segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Aniversário




Sete de janeiro de 2013. Hoje completo quarenta e cinco anos. Diferentemente dos comentários que ouço quando alguém aniversaria, não passaram rápido. Muito menos voando. Passaram como tinham de passar. Os anos. Vivi dezesseis mil quatrocentos e vinte e cinco dias – não me dei ao trabalho de calcular os anos bissextos. Com a paciência de quem sabe que a vida é uma jornada para a morte, vivi cada dia – tampouco como se fosse o último – como a vida me os ofereceu. Sobre a pressa do tempo, só posso arbitrar que as horas passam mais vagarosamente que os dias. Já os anos, passam no tempo que devem passar. Comigo foram generosos. Deram-me mais do que pretendi. Faltam-me alguns. Espero que esses não corram, logo agora que estou onde sempre quis estar. Se forem justos, passarei a derradeira fase da vida vivendo, dia após dia, sem pressas ou demoras. Tudo ao seu tempo.

 

4 comentários:

Luciana Duarte disse...

Parabéns querido e amado professor! Em branco jamais deixaria essa página. Todas as bençãos e desejos de muita felicidade e conquistas. 45, idade de muitos signos e significados. Aproveite! Muitos cheirinhos de alecrim e abraços de lavanda.

Unknown disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
diariodoandre.com disse...

Marcelo, querido. Não posso ligar (hahahaha), por isso é por aqui mesmo o parabéns! Tudo de bom. Muita saúde e paz e boas leituras e muito teatro. Beijo grande.

PS. Nem precisa calcular, darling. Foram 45/2 = 22 anos e meio os bissextos.

Bjo grande. :]

Anônimo disse...

Amigo. Feliz cumple!! Que la sabiduria te acompañe en el resto de este hermoso paseo llamado vida. Me alegra saber que estas en el lugar que querias. Te lo mereces! Te mandamos un beso grande desde Mar de las Pampas. Kary, valen, cata y yo. Te queremos!